11 de julho de 2013

Investidores - Anjos ou Demônios?

Imagem em alusão ao Best Seller de Bronw; protagonizado por Hanks nos cinemas.

Boa Tarde Gestores!


Estes últimos dias fomos regalados à debates e proposições de qual é o melhor cenário para os novos projetos que serão desenvolvidos em ambientes de excessiva incerteza, mas extremamente promissor por suas possibilidades; mesmo que ainda esteja no papel, ou na validação das suas hipóteses preliminares, hoje popularmente conhecidas como Startup's (RIES, E); mas para isso ocorrer, muitas vezes teremos que recorrer à estes Anjos E/OU Demônios demonimados Investidores para viabilizar nossos projetos. Antes que alguém faça a alusão ao best seller , que virou filme, ou até mesmo o Projeto de CDE de nossos alunos no 6º PEJ, posso garantir que estas dicas são dignas de levar um Oscar e nos focar em nossos sonhos!

Há muito já discutimos sobre à importância dos investidores nas Startups e qual a melhor forma de apresentarmos nossos projetos (vide também postagem sobre o que Modelo de Negócios) para estes Anjos, quando acreditam e/ou aportam capital nos "enchendo" de expectativas e "dicas milagrosas"  ; ou Demônios, quando se negam a ver pela mesma optica que a nossa de como é o negócio (muitas vezes por ser óbvia a inconsistência de informação!) ou o pior cenário quando uma vez aportado o capital, resolvem mudar o modelo de negócios para poder alavancar mais rápido ou favorecer às metricas de crescimento da agora "Nossa Startup!". Uma coisa aprendi desde cedo e sempre retrato isso com: os meus clientes, pares e alunos; antes de vencermos este jogo, precisamos fazer a lição de casa; não queremos mudar a regra do jogo; mas precisamos primeiro aprender a jogar!

Seguem dois videos (fonte Endeavor) que acredito relatam estas necessidades, principalmente se você esta em fase inicial de desenvolvimento de projeto; Sim desenvolvimento e não conclusão, como já diria Timmons e Dornelas, é um erro achar que recursos vem por último; ele até pode entrar por último, mas temos que aprender a viabiliza-los logo de "largada" na concepção da ideia e fica mais fácil não cometermos erros primários que podem custar muito mais caro que apenas a alavancagem necessária para o nascimento de nosso projeto! Apesar de parecerem redundates, as óticas apresentadas são complementares, uma vez que nestes videos estão reunidos alguns dos principais players deste ecossistema:

1) O que apresentar para Investidores



2) Erros comuns na busca de Investidores:


Pensem nisso e sucesso a todos!

Um comentário:

PMG&E disse...

Somente para retificar o Projeto de CDE Angels&Demons (Balada Bus) foi no 5º PEJ e não no 6º PEJ!